Em meio a agitação e adrenalina dos outros parques, Discovery Cove é um pedaço do paraíso.

Leia o relato deste dia aqui: Discovery Cove – Um Dia no Paraíso !!!

Vídeo disponível apenas em computadores (bloqueio feito pelo próprio Youtube)
gostou? compartilhe!
4
comentários
 
poderá gostar também de...

Estava sumidinha e devendo os relatos né ?!!! Mas agora eu voltei.

Antes de começar novo relato, vou colocar algumas fotos do Discovery Cove que ficaram faltando e contar o porque elas estavam faltando, para que se acontecer com alguém, não precisa se desesperar.

Assim que voltamos de viagem fui organizando todas as milhões de fotos no computador mas o CD de fotos do Sea Venture não abria. Tentei em outros computadores, no aparelho de DVD e nada.

Então escrevi para lá e eles muito solícitos se desculparam pelo inconveniente e me pediram alguns dados da compra como: número do recibo ou número do cartão de crédito. Acredito que façam isso para confirmar a compra pois qualquer um pode mandar um e-mail dizendo que não está funcionando e na verdade nem ter comprado e querer receber o CD.

Só que para piorar nós pagamos em dinheiro e eu não sabia onde estava o recibo. Pensei que estava tudo perdido, mas tive uma idéia.

Juntei tudo o que nós tinhamos comprado: CD e DVD de foto do nado, CD do Sea Venture, os chaveiros, as fotos impressas, meu cartão/ingresso que tem o dia e a hora e, tirei uma foto de frente do kit todo e depois fotos do verso de cada “interação” para que eles vissem que os números de cada CD eram os mesmos que estavam no verso do meu ingresso.

Deu certo !!!! Sexta-feira (22/02) recebi o CD bonitinho e funcionando.

Agora sim posso mostrar nossas fotos colocando o escafandro e descendo para o mergulho.

As caretas eram devido a água gelada que vai entrando aos pouquinhos na roupa de borracha. Para quem não está acostumado com esse tipo de roupa no começo estranha mas depois é bem tranquilo.

Bjs e até o próximo relato

Melissa Prandato

gostou? compartilhe!
4
comentários
 
poderá gostar também de...

06/01/2013 – Discovery Cove

Hoje acordamos cedo porém não tomamos cafe da manhã no hotel. Discovery Cove é perfeito por muitos motivos. É calmo, relaxante, lindo, tem “atrações” magníficas e além de tudo isso é all-incluse.
Para quem não conhece, ele é um “Parque Aquático” diferente dos outros parques aquáticos pois não existem brinquedos, tobogãs ou qualquer coisa do gênero. Ele é dedicado a natureza e a vida marinha.
Quando você compra o ingresso do parque você não precisa se preocupar com mais nada. Nem comida, nem toalhas, produtos de higiene, nada…. Leve apenas uma roupa intima para trocar depois do banho e um pente, pois todo o resto é disponibilizado a você. Todo o resto mesmo: comida, bebida, protetor solar, roupa de mergulho, máscara e snorkel, saco para a roupa molhada, secador e até absorvente. Tudo isso é a vontade, você pode usar o que quiser e quantas vezes quiser.
Tá, deu pra perceber que eu adoro esse parque !!!! Sim, eu adoro. Para mim é um pequeno paraíso.
Foco, Melissa. Volte para o relato !!!!

Chegamos um pouco antes das 9:00h e fomos fazer check-in. Apesar de cedo no estacionamento já haviam muitos carros. Mas esse parque não enche pois tem um número máximo de pessoas por dia (1.000), e é por isso que ao comprar ingresso você já faz a reserva do dia que você quer ir. Então o estacionamento estar cheio ou não, não quer dizer muita coisa.
Desta vez resolvemos fazer além do “Nado com os Golfinhos”, o “Sea Venture”. E para este “passeio”, há algumas restrições e normas a serem seguidas, como por exemplo não ter consumido bebida alcoólica algumas horas antes do mergulho. E como alguns de nós gosta de uma cervejinha, e de graça melhor ainda, pedi para que o Sea Venture fosse marcado antes do almoço. E assim foi feito.

Tudo marcado, ingressos prontos (o voucher vira um cartao com código de barra, com foto e tudo), fomos tomar café.

Café da manhã gostoso, com boa variedade, tanto das gorduradas que os americanos adoram, quanto de coisas mais saudáveis, como iogurte, granola e frutas.
Depois do café fomos pegar as roupas de borracha.
Todos trocados, com roupa no ármario, já era hora de nos encaminharmos para a tenda do Sea Venture que fica atrás do The Grand Reef, onde tem arraias e peixes.
The Grand Reef e ao fundo a esquerda Sea Venture
Na tenda eles dão algumas informações básicas que como será o mergulho, os sinais que devemos saber para solicitarmos algo ou quando o mergulhador/guia nos solicitar algo, e como proceder ao colocar o escafandro.
Nesta hora minha mãe deu uma surtadinha. Ela tem claustrofobia, e quando viu no video a pessoa enfiando aquilo na cabeça, começou a chorar. Gente, o povo lá é fantástico !!! Até então, além das figuras e do video ser bem didático, eu e a Larissa, fomos traduzindo o que estava escrito nas figuras. Eram instruções simples. Mas quando viram o desespero dela chamaram um rapaz muito simpático que foi falando em espanhol e arrastando um portunhol. Ele começou a explicar e conversar com ela, que se acalmou e confirmou que iria.
Durante o video fomos preenchendo uns formulários, com nossos dados e concordando com os termos e com as instruções e restrições dadas. Questões de segurança para nós e para eles, claro.
Terminando as instruções fomos levados a beira do lago/tanque onde colocamos o escafandro e descemos por uma escada, parecida com as de piscina, só que bem maior.
Escada para o mergulho, do lado direito do guarda-sol do salva-vidas.
Escolhemos entre nós uma ordem de descida e essa ordem deveria ser mantida durante todo o mergulho para que as mangueiras de oxigênio não se enrolassem.
Apesar do dia maravilhoso que estava fazendo a água estava bem gelada e com a roupa de borracha a água não entra com tudo, vai entrando aos pouquinhos e gelando devagarinho. Depois você se acostuma, mas a primeira entrada na água é de arrepiar. Uuui!!!! rsrsrsrs
Um por um fomos colocando o escafandro e descendo. Até minha mãe, que antes estava com medo, fez tudo direitinho. Só meu pai que não teve sua descida filmada, pois ele ficou por último e com a câmera . Oh dó !!!! Mas ele desceu bonitinho, rapidinho e sem problemas.
Esse mergulho é muito, muito, legal. Você desce no meio daquele montão de peixes e arraias e vai andando por baixo d’água apreciando o visual e algumas explicações que a mergulhadora que esta guiando o grupo vai escrevendo numa lousinha mágica.
Além de varias espécies de peixes e arraias que nadam ao nosso redor, há também duas partes separadas por vidro onde tem tubarões e lagostas.
Durante o percurso os mergulhadores que estavam auxiliando a guia distribuiu folhas de alface para os peixes virem comer na nossa mão.  E mais pra frente abriu um pote com camarões e soltou na água. Gizuis !!!!! Foi um enxame. Seria cardume né, mas parecia mais um enxame mesmo. Era peixe pra todo lado, numa correria louca (ou seria nadaderia louca? rsrs), para abocanharem os camarões. Nessa hora minha irmã ficou tensa. Ela é alérgica a camarões e quando se viu mergulhada neles bateu um medinho, mas tudo ok, não aconteceu nada.
O mergulho foi maravilhoso, pena que é pouco tempo !!!!
Na mesma ordem que desce, sobe. E depois que todos estão lá em cima, são oferecidas toalhas e somos encaminhados para a tenda novamente para vermos as fotos. São fotos só da descida, mas é claro que compramos.
Esse CD custa US$ 50,00 mais taxas, e na verdade, você faz tipo uma reserva e eles te dão um número para você pagar e retirar o CD na saída.
Com a mesma atenção e simpatia que nos atenderam quando chegamos a tenda, eles se despediram, perguntando o tempo todo se havíamos gostado, sorrindo e brincando. Foi tudo muito bom.
Aproveitamos que estávamos ali perto e ficamos um tempão nadando e mergulhando no The Grand Reef. E entre um mergulho e outro, íamos numa barraquinha que tem ali perto pegar uns salgadinhos e bebidas.
No The Grand Reef há muitos peixes e arraias e elas não tem medo e nem se importam com as pessoas. Elas passam lentamente entre nós e as vezes precisamos ter atenção para não pisarmos nelas.
Ficamos bastante tempo por ali nadando, mergulhando, tirando fotos e filmando. No fundo, perto das pedras tem também os vidros por onde você pode observar os tubarões e as pessoas que estão participando do Sea Venture.
Meio-dia e pouquinho fomos para a tenda do nado com os golfinhos. Lá mais um pouquinho de explicação e videozinho. Preenchemos outro formulário e fomos encaminhados para “praia” onde seria nosso nado. Desta vez meu pai e meu cunhado não quiseram fazer o nado então fomos colocados com uma outra família americana com três pessoas.
Como sempre, sensacional !!! Nossa “golfinha” chamava Dash e depois chegou o golfinho Dexter para fazer companhia e palhaçada. Segundo o instrutor, assim como nós os golfinhos tem personalidades diferentes e o Dexter é muito mais brincalhão. Na verdade até o instrutor era mais brincalhão. O tempo todo, além de falar sobre a vida dos golfinhos, beijava e conversava com eles. Muitas vezes fazendo até aquela vozinha que a gente faz quando fala com bebê ou até com nossos pet. Pelo menos eu pareço uma boba falando com a Meg rsrsrsrs. Foi fofo ver o jeito dele com os golfinhos.
Saimos de lá com gostinho de quero mais. Não dá vontade de sair nem de largar aqueles animais incríveis.
Pausa para um adendo:
Antes de irmos para o Sea Venture demos uma paradinha em frente a Dolphin Lagoon (onde fizemos o nado) e ficamos observando eles nadarem. Naquele momento eles podiam nadar “livres”. Livres não, pois livres seriam se eles estivessem na natureza. Mas eles podiam nadar sem ninguem pedir para que eles fizessem algo. Nós ficamos na beirinha, pois ninguém pode entrar nesta lagoa se não for pra fazer o nado, e acompanhado do instrutor. Tá, estavamos na beirinha com água no tornozelo e se aproxima um golfinho, vira de lado, olha pra gente e solta aqueles gritinhos que eles fazem, e balança a cabeça. Tipo chamando para bincar. Ameiiii, isso !!! Minha vontade foi correr pra dentro d’água, mas tive que me controlar, mas disse: Calma amor a gente já volta!! E ele ficou ali mais um tempinho chamando. Genteeeee é lindo demais !!! 
Nos observando…
… e nos chamando para brincar.
Após o nado, novamente para a tenda das fotos e novamente compramos o CD e o DVD. Miséria pouca é bobagem, então enfiamos o pé na jaca de vez. CD com fotos do Sea Venture + Pacote de fotos e video do Nado com o Golfinho = US$ 249,00. No pacote vinha um CD de fotos, DVD com video, 5 fotos impressas tamanho grande, dois chaveiros com fotos e 2 fotos separadas do mesmo tamanho.

Deixamos mais uma vez tudo reservado para pegar depois e fomos almoçar. 

Comida variada e a vontade, mas desta vez achei a comida mais simples. Gostosa, porém simples. Não tinha o salmão delicioso que comemos na outra vez.
 
Almoço gostoso com música ao vivo.

Eu e minha irmã acabamos de comer um pouco antes e aproveitamos para buscar as fotos (ficam prontas aproximadamente 1 hora depois da reserva), guardamos tudo no armário e voltamos para todos juntos irmos ao aviário. Bom lugar para fazer a digestão rsrsrsrs.

O aviário é bem legal também. É dividido em 3 partes e em cada uma delas tem um funcionário com um “carrinho” com potes de comidinhas. Alguns potes tem frutinhas e legumes e outros tem bichinhos. Isso mesmo, bichinhos !!!!

Os pássaros, sem cerimônia nenhuma, sobem em você e fazem a festa com os potinhos.

Além da diversão que é ter os pássaros ao redor, você ainda tem direito a limpeza de pele, barba e orelha rsrsrsrsrs Um passarinho se apaixonou pelo meu pai e fez serviço completo. Ficou um tempão cutucando a orelha, a barba, o pescoço. Maior figura!!! E meu pai adorou, claro !!!!

Saimos do aviário e voltamos para a água.
Fizemos o percurso pelo riozinho, que chama Wind-Away River. A água é doce, quentinha e a leve correnteza vai te levando. Neste riozinho não há peixes apenas a água e a paisagem para você ir curtindo e relaxando.

Ficamos um tempão lá. Muitos mergulhos, fotos. Uma delícia!!

Ainda tem uma outra parte ao lado do rio onde tem mais alguns animais e tem uma piscina com “banquinhos flutuantes”, mas tinha bastante gente e já eram quase 17h, então resolvemos tomar banho.

Próximo ao fechamento do parque o banheiro fica cheio, mas chegamos e logo uma moça estava saindo aí não precisamos esperar muito. Mas logo que saimos já tinha uma filinha.

No box tem shampoo, condicionador e sabonete líquido. E o shampoo é maravilhoso, deixa o cabelo lisinho, lisinho. Eu disse em 2011 que quando voltasse ia ver a marca. Bem que eu tentei, mas o pote só tem o simbolo do parque. Sacanagem, fiquei novamente sem saber!!! rsrsrsrs

Como já tinha comentado no começo do relato, no banheiro tem secador e um rolo com saco para você colocar a roupa molhada.

Banhinho tomado, todos cheirosinhos, fomos até a lojinha fazer aquelas comprinhas básicas, mais algumas fotinhos e fomos embora do paraíso.

Este lugar é incrivelmente lindo e merece estar sempre no roteiro.

Saímos do Discovery Cove e fomos ao Premium da Vineland, fazer aquelas comprinhas básicas> Fomos na Crocs, Kipling, Nike, Levis, Tommy e mais algumas lojinhas de roupas que meu filho gostou. Na Levis e na Tommy não compramos nada dessa vez, pois estavam cheias e muito bagunçadas e como iriamos no outro Outlet deixamos para ir nessas lojas lá.

Depois das comprinhas fomos ao Downtown Disney para jantar no Rainforest. Tínhamos combinado com algumas amigas, e até nos encontramos mas não conseguimos mesas juntas. Um papinho rápido uma fotinho de recordação e tchau. Que pena !!!!

Rainforest tem uma decoração muito legal e comida muito gostosa. Não lembro o nome, mas comi um prato com Ribs, Steak e Camarão Empanado. Delicioso !!! Serviu bem eu e meu marido.

Voltamos ao hotel, para uma boa noite de sono e acordar cedo para tomar café com o Mickey. Uhuuuu!!!!

Bjs
Melissa

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
gostou? compartilhe!
6
comentários
 
poderá gostar também de...